Letreiro
Ex-jornalista de O Globo e diretor da ABI diz sentir vergonha de entrevista com Haddad no JN
mais brasil comunicações > Turismo
Voltar Enviar noticias imprimir
[11/04/2018] Brasília; Lideranças do Turismo aprovam e apoiam novo ministro do setor Vinicius Lummertz

Flávio L. Prestes

Foto: Divulgação Ministério do Turismo

Tomou posse na tarde desta terça-feira, dia 10 de abril, em Brasília, o novo ministro do Turismo do Brasil. Vinicius Lummertz, que até segunda-feira (9) ocupava o cargo de presidente da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), substitui Marx Beltrão, que ocupou a pasta desde 05 de outubro de 2016.

Presidente da Embratur desde junho de 2015, o catarinense buscou fortalecer o posicionamento e a presença do turismo brasileiro no cenário internacional, unindo, para isso, forças entre o setor público e privado.

Marta Rossi, uma das lideranças do turismo nacional, criadora da Feira Internacional de Turismo (FESTURIS), destaca que a indicação é fundamental para os crescimento do setor pelas relações do novo ministro com o trade e suas ações para o fortalecimento do mesmo. “Temos no Vinícius uma referência quando o assunto é Turismo, sendo que sua relação é muito próxima com o trade. Comemoramos a indicação e vemos como positiva pois suas ações, desde sempre, e também a frente da Embratur, mostram uma preocupação e entendimento real de como um setor turístico forte e atuante, pode impactar positivamente a economia do país. Outro fator importante é que, assim como tivemos vários Ministros do Turismo de outras regiões, ter um ministro oriundo da Região Sul é fundamental para a região como um todo”.

Já o secretário da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer do Rio Grande do Sul, Victor Hugo, analisa que a indicação, “é o reconhecimento à trajetória pessoal do Vinícius. O trade o conhece  e reconhece. Para os estados da Região Sul é importante que um integrante da região esteja a frente ao Ministério. Isso deve ser considerado um importante avanço.”

O presidente da ABAV/RS, João Machado, destaca a proximidade de Lummertz com o setor.”É uma indicação muito boa para o setor pois ele possui larga experiência no Turismo, e uma relação muito próxima com o trade e as entidades. É importante pois não foi uma indicação com cunho político e Lummertz já entra com conhecimento de causa. Isso nos deixa muito otimistas”, analisa.

Formado em Ciências Políticas pela Universidade Americana de Paris, Lummertz estava na Embratur desde junho de 2015, por indicação do PMDB de Santa Catarina. Ele foi secretário de Turismo, Esporte e Cultura de Florianópolis e diretor nacional e estadual do Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio à Micro e Pequenas Empresas). Ele também foi secretário de Estado do Planejamento e Relações Internacionais de Santa Catarina (2007-2010), além de ocupar o cargo de secretário Nacional de Políticas de Turismo do Ministério do Turismo, de setembro de 2012 a maio de 2015.

 

Fotos da notcia


Clique sobre a foto para ampliar
Notcias relacionada