Letreiro
Lado obscuro da PGR contra Lula: Advogados Se Dizem Perplexos Com Revelação De Ligação De Dodge Para Diretor-Geral Da PF
mais brasil comunicações > Cidades
Voltar Enviar noticias imprimir
[12/02/2018] Porto Alegre; Do abandono ao mato, um retrato de praças e parques da Capital

Luiz Eduardo Gomes  -  Sul21

Foto:  Joana Berwanger

Praça da Matriz, um dos principais locais da cidade, está com os arbustos transformados em matagais

Na última semana, a fotógrafa do Sul21 Joana Berwanger visitou cinco praças e parques da cidade – Praça da Matriz (Centro), Parque Marinha do Brasil (Cristal), Praça Berta Starosta (Rio Branco), Praça Dom Sebastião (Independência) e Parque Tristezense (Tristeza) – e pode constatar que, onde deveria haver grama, o mato tomou conta.

Na Matriz, um dos locais mais emblemáticos da cidade e vizinha das sedes dos três poderes estaduais e da Catedral Metropolitana, os arbustos há muito já superaram as grades às quais deveriam estar confinados, invadindo o espaço das pedras que compõem o mosaico da praça. Junto ao Marinha, próximo do estádio Beira-Rio, a relva já invade a ciclovia, transformando-a em local inóspito para os ciclistas.

Apesar de a Prefeitura estar constantemente anunciado por meio de suas redes sociais ações de capina, essa é a situação de diversas praças e parques da Capital. As reclamações sobre a situação já viraram rotina entre os moradores da cidade.

Fotos da notcia

Clique sobre a foto para ampliar
Notcias relacionada