Letreiro
ONU acusa Temer de demolir legislação sobre trabalho escravo que se tornou referência mundial
mais brasil comunicações > Logística
Voltar Enviar noticias imprimir
[11/08/2017] Florianópolis; Qualificação e negócios em destaque do segundo dia do 30º Encatho & Exprotel

Vânia Monteiro e Bruna Nicoletti  -  VM Comunicação

Foto: Fabrício Almeida  -  Imagem & Arte

Simpósio, painéis e palestras movimentaram as salas do CentroSul, em Florianópolis.

O Encontro Catarinense de Hoteleiros, que ocorre até amanhã, no CentroSul, em Florianópolis, autoridades se reuniram para discutir o futuro do turismo no sul do Brasil. O projeto “O Sul é meu destino” visa a divulgação de uma rota integrada entre Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul.

 

Entre os presentes estavam Vinicius Lummertz - Presidente da Embratur, os diretores-presidentes da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis dos três estados do sul do país, Leonel Pavan – Secretário de Turismo, Cultura e Esporte do Estado de Santa Catarina e Rogério Siqueira – Diretor-presidente do Beto Carrero World e Presidente do Conselho Estadual de Turismo de Santa Catarina.

 

Vinicius Lummertz destacou a qualificação da hotelaria para o crescimento do turismo. O presidente da Embratur afirmou que o país pode fazer muito pelo turismo, mas que é necessário mudar o patamar em que ele se encontra, pois antes de mais nada, turismo necessita do desenvolvimento econômico, também de outros setores do país.

Neste viés, Vinicius salientou as dificuldades encontradas para o setor turístico no Brasil, devido a sua legislação extremamente rígida, e deu exemplos de outros países que se tornaram cases de sucesso do turismo mundial, como China, Estados Unidos e Japão, que segundo ele, não tentam comprimir o turismo.

 

“Eu desejo saudar aqui as pessoas que estão envolvidas no projeto de transformar isto em um projeto Sul e contam com o total apoio do Ministério do Turismo para que nós possamos construir este ambiente na mente do Brasil e do mundo”, finalizou o presidente.

 

Leonel Pavan chamou a atenção do público para as riquezas do sul do país, que tem de forma integrada sua cultura, etnias, o roteiro cervejeiro e o da vinicultura. Destacou também a importância de manter o turista por mais tempo nos três estados mas, segundo ele, para que isso aconteça é necessário ter uma oferta que desperte a curiosidade dos viajantes. Pavan afirmou que o Brasil precisa parar de olhar o sul do país apenas como uma região muito rica, mas como rica em belezas naturais, em cultura, inovação e que oferece ao turista as quatro estações do ano.

 

Já Magda Bez trouxe os números sobre o ambiente de negócios e a condição que circunscreve o ciclo de vida das empresas. Ela abordou a importância das ações de capacitação de toda a estrutura do setor turístico e assim como Vinicius Lummertz destacou a extrema burocratização dos novos investimentos no turismo nacional e a importância de facilitar as novas oportunidades para que o crescimento do turismo seja mais visível e progressivo.

“O ‘Sul é meu destino’ é o primeiro passo para um processo integrado também das entidades que precisam estar juntas e se envolver. Não podemos deixar para os outros fazerem, temos que ir lá e tomar a atitude. Isso é fundamental para a profissionalização do turismo no sul do país, trabalhando em conjunto com os três estados e com o trade turístico”, reiterou Magda Bez.

 

Rogério Siqueira afirmou que a origem da ideia para o projeto “O Sul é meu destino” provavelmente surgiu no Beto Carrero World, já que o fundador do parque sempre defendeu a integração do turismo na região. Além disso, ele trouxe os números crescentes do parque que somente no mês de julho teve 240 mil visitantes, o que também aumenta o fluxo dos hotéis, restaurantes e outros estabelecimentos da região.

 

A importância do trade turístico para a consolidação de um destino foi outro ponto evidenciado por Rodrigo, que associa o case de sucesso do parque com um esforço integrado do trade de oferecer um pacote completo, com a capacitação junto das agências de turismo, uma mídia segmentada e a integração dos Conventions Visitors Bureau de Florianópolis, Balneário Camboriú, Blumenau e Joinville.

 

Por fim, o presidente da ABIH-RS, Abdon Barreto Filho, representando as sedes estaduais da ABIH no Sul do país falou da importância do projeto e seus reflexos na hotelaria. Para o empresário, “O sucesso de um destino turístico são as experiências no seu núcleo receptor, principalmente o atendimento, encantamento e toda hospitalidade dos meios de hospedagem”, afirmou Abdon.

 

Alem do encontro, confira um pouco do que aconteceu nesta quinta-feira no espaço.

 

Feira está com diversas promoções e descontos

A Exprotel apresenta novidades, tendências e grande variedade de produtos e serviços para o segmento turístico. No evento estão em evidência novas tecnologias de software, e produtos que primam pelo bem-estar dos hóspedes e dos colaboradores, como enxoval, produtos de limpeza de alta qualidade, colchões, planos de saúde, mobiliário e soluções tecnológicas que facilitam a rotina diária em um meio de hospedagem.

Confira as fotos

 

Simpósio de Governança, Manutenção, Recepção Hoteleira

“Nós queremos atualizar os colaboradores de hotel, em termos de legislação, procedimento, qualidade de operação interna. Hoje a gente tem alguns temas como como controle sustentável em meios de hospedagem, como desenvolver competências no dia-a-dia da hotelaria e como transformar sua equipe em uma equipe campeã, entre outros, além de um case de sucesso”, comenta Lara Perdigão, que está mediando o simpósio.

Leia mais

Fórum das instituições de ensino abre atividades do Encatho & Exprotel

“Os convidados para palestrar são coordenadores de cursos do nosso estado, porque acreditamos que eles sejam as pessoas que estão diretamente em contato tanto com alunos quanto com diretores. Por isso, são fundamentais para fazer o meio de campo entre todos os atores envolvidos no processo de ensino e aprendizado”, ressalta Carla Lopes Vieira, diretora de capacitação da ABIH-SC, que mediou o fórum.

Leia mais

Novas leis trabalhistas são esclarecidas durante Encatho & Exprotel

Várias possibilidades se abrem com a reforma trabalhista propriamente dita, haverá uma maior flexibilização de estabelecimento de regras para os contratos de trabalho. A nova legislação permite uma negociação mais flexível entre colaborador e empregador, em questões lógicas e técnicas. Durante o painel o público pode tirar suas principais dúvidas sobre o assunto e levantar questionamentos para os palestrantes.

Leia mais

 

Não custa nada ser legal!

Com o slogam “É bom pra você. É bom para o turismo.”, o Cadastur, um sistema de cadastro de pessoas físicas e jurídicas que atuam na cadeia produtiva do turismo, está sendo executado pelo Ministério do Turismo em parceria com os órgãos Oficiais de Turismo das Unidades da Federação, o objetivo é ser um banco de dados que serve de referência de empreendimentos que atuam diretamente no setor.

Leia mais

 

Indicadores de gestão e qualificação

O Momento Senac-SC discutiu assuntos que envolvem as oportunidades de qualificação para atuação no mercado e a importância dos indicadores de gestão para os meios de hospedagem, durante a manhã do dia 10 de agosto. O evento produzido pela Associação Brasileira da Indústria de Hotéis de Santa Catarina – ABIH-SC, promove qualificação e novas oportunidades para os interessados em melhorias para o setor hoteleiro.

 

Fotos da notcia








Clique sobre a foto para ampliar
Notcias relacionada