Letreiro
Em tom de verde e amarelo, Brasília vive dia diferente
mais brasil comunicações > Vinho do Brasil
Voltar Enviar noticias imprimir
[12/04/2014] São Joaquim; Começa a 1ª Vindima de Vinhos Finos de Altitude de SC

Rafael Vieira de Araujo

Foto: Divulgação/Adjore SC

O governador Raimundo Colombo e o vice Eduardo Pinho Moreira participaram nesta sexta-feira, 11, da abertura oficial da 1ª Vindima de Vinhos Finos de Altitude de Santa Catarina, em São Joaquim. O evento, que ocorre até este domingo, reúne 18 vinícolas e tem uma programação especial preparada pelos municípios de São Joaquim, Urupema, Videira, Treze Tílias e Água Doce.

“Tenho certeza que esse evento vai repercutir muito, motivar a todos e também potencializar cada vez mais essa grande vocação que a região tem de produzir vinhos de grande qualidade. Isso vai se tornar uma marca que ajudará no conjunto do desenvolvimento da região”, disse o governador.

Colombo disse ainda que acredita muito no futuro e potencial da atividade e por isso a importância de apoiar eventos como esse. Segundo ele, é difícil no início e o desenvolvimento é a longo prazo. “Hoje se colhe um trabalho que está sendo feito há alguns anos e tem um excelente resultado. Acredito muito, apoio e tenho certeza que será muito bom para a cidade e região”.

A programação inclui degustação, almoços e jantares harmonizados com os vinhos finos de altitude, colheita, piquenique e sunset. “Os produtores da nossa região priorizam muito pela qualidade das uvas e vinhos produzidos. Estão sempre aprimorando suas técnicas e buscam sempre participar de eventos que destacam seus produtos. Os vinhos de altitude promovem a região e Santa Catarina para todo o mundo”, enfatizou a secretária regional de São Joaquim, Solange Scortegagna Pagani.

O evento é organizado pela Associação Catarinense de Produtores de Vinhos Finos de Altitude (Acavitis), com apoio do Sebrae, prefeituras e governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte, Funturismo, SDR São Joaquim e Santur.

O vice-governador destacou a importância e a qualidade que os produtores de vinhos de altitude alcançaram nos últimos anos. “A Vindima vem abrir e reforçar para o Brasil e para o mundo mais este grande atrativo catarinense, que deve impulsionar o turismo e o desenvolvimento da região”, concluiu Pinho Moreira.

A Vindima
É o momento em que os produtores celebram a colheita da uva, o trabalho, o esforço e a dedicação na conquista de vinhos de qualidade. Eles aproveitam a oportunidade para realizar negócios, conquistar parceiros e também promover seus produtos. “Esse é o momento de conciliar a arte, a culinária, a cultura e o vinho, divulgando cada vez mais a produção de uva e os vinhos finos de alta qualidade de Santa Catarina”, explicou o presidente da Acavitis, Acari Amorim.

História
A trajetória da vitivinicultura na Altitude Catarinense começou quando a Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural do Estado de Santa Catarina (Epagri) constatou o potencial das regiões altas do Estado para este segmento. Os vinhedos de Santa Catarina ficam localizados nos pontos mais altos do Estado, entre 900 a 1,4 mil metros, acima do nível do mar. Em 1999, se instalou em São Joaquim o primeiro empreendimento vitivinícola de altitude. No ano seguinte, outros projetos foram iniciados e se sucederam, até a criação da Acavits, em 2005.

Hoje, a Acavitis conta com 28 associados e pelo menos 18 deles produzem vinhos, com um total de área plantada de 300 hectares nas regiões de São Joaquim, Caçador e Campos Novos. A produção média anual já chega a 913 toneladas da fruta, possibilitando a elaboração de uma carta de vinhos com aproximadamente 120 rótulos, sendo que a maioria já participou de concursos nacionais e internacionais, conquistando premiações.

O enoturismo é outra atividade que vem crescendo e impulsionando a economia de toda uma região. Várias vinícolas já recebem turistas para degustação e projetos que envolvem passeio pelas parreiras. As principais uvas produzidas são cabernet sauvignon, merlot e sauvignon blanc, além da chardonnay e viognier.

 

Fotos da notcia

Clique sobre a foto para ampliar
Notcias relacionada